SÃO JOÃO BATISTA DE LA SALLE E A FORMAÇÃO DE PROFESSORES: BREVES REFLEXÕES A PARTIR DAS MEDITAÇÕES E DO GUIA DAS ESCOLAS CRISTÃS

Tatiane Peres Zawaski, Cledes Antonio Casagrande

Resumo


O objetivo desse estudo é analisarmos as contribuições deixadas por São João Batista de La Salle, quanto à formação de professores, refletindo sobre duas de suas obras, as quais atentam a importância da formação dos mestres. Faremos uma breve reflexão de suas prescrições, descritas no Guia das Escolas Cristãs, assim como nas Meditações, atentando para a valorização e a dignificação dos educadores. Percebemos em nossas pesquisas que muitos autores não atentam para o processo formativo de educadores, no período da Modernidade. Observamos que os apontamentos surgem a partir do ano de 1970, como aborda Imbernón (2010). Contudo, não há como negarmos que nossas práticas advêm de um passado histórico e cultural, o qual não é salientado, mas é de suma importância para o entendimento do processo de formação de professores. Para analisarmos as obras que são de referências desse estudo, utilizaremos os pressupostos teóricos e as pesquisas de Gauthier e Tardif (2010), Leubet, Pauly e Silva (2016), Rangel (2007) e Trezi (2010). A metodologia utilizada nesse artigo é a revisão bibliográfica (GIL, 2010), caracterizada como um estudo com base em material já publicado, cujo propósito é o levantamento de dados para a análise. Constatamos, por meio da pesquisa, a importância do olhar de São João Batista de La Salle, quanto ao processo de formação dos professores, dignificando a profissão, assim como orientando os educadores para o pleno exercício da profissão.


Palavras-chave


Educação. Formação. Professores.

Texto completo:

PDF

Referências


GAUTHIER, C. & TARDIF, M. (org). A pedagogia: teorias e práticas da antiguidade aos nossos dias atuais. Petrópolis, RJ: Vozes, 2010.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2010.

HENGEMÜLE, Edgard. Obras completas de São João Batista de La Salle. Canoas: Unilasalle, 2012.

___________. Estudo introdutório. In.: LA SALLE, São João Batista. Honrar o ministério: a dimensão educativa nas meditações de La Salle. Canoas: Unilasalle, 2013.

LA SALLE, São João Batista. Honrar o ministério: a dimensão educativa nas meditações de La Salle. Canoas: Unilasalle, 2013.

_________. Guia das Escolas Cristãs. Canoas: Unilasalle, 2012.

LEUBET, Angelo Ezequiel; PAULY, Evaldo Luis, SILVA, Valdir Leonardo da. Contribuições de São João Batista de La Salle para a constituição da escola moderna. In.: Revista Brasileira de História da Educação. Maringá – Paraná – v. 16 nº 4 (43), p. 32-63, out./dez. 2016.

MORALES, Alfredo A. Da manhã à noite: espírito e estilo da educação lassalistas. São Paulo: Edições Loyola, 1984.

MUÑOZ, Diego. El maestro, um hombre comprometido por enterro. In.: GIL, Pedro Mª; MUÑOZ, Diego. Que la Escuela vaya siempre bien: aproximación al modelo pedagógico lasaliano. Estudos Lasalianos, nº 17. Roma, Mayo, 2013.

RANGEL, Mary; WESCHENFELDER, Ignácio Lúcio. A didática a partir da pedagogia de La Salle. Petrópolis: Vozes, 2006.

SAVIANI, Demerval. Formação de professores: aspectos históricos e teóricos do problema no contexto brasileiro. Revista Brasileira de Educação. V. 14, nº 40 – jan./abr. 2009.

TREZI, Clóvis. A estética na educação em João Batista de La Salle. Janeiro de 2010.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Tatiane Peres Zawaski

Licença Creative Commons