Revista Cadernos de Ciências Sociais da UFRPE http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais <p>A Revista Cadernos de Ciências Sociais é fruto da necessidade publicizar ideias e conhecimentos no âmbito das Ciências Sociais. Nasceu da proposta do Conselho Editorial do Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal Rural de Pernambuco UFRPE, em criar uma publicação que pudesse articular o trabalho de professores, pesquisadores e estudantes das Ciências Sociais do Nordeste do Brasil em interação com os demais campos de produção das Ciências Sociais no mundo.</p> <p> </p> <p>J. C. Marçal</p> <p><strong>Editor-Gerente</strong></p> <p> </p> pt-BR introitu@hotmail.com (J. C. Marçal) revistacadernoscienciassociais@ufrpe.br (Revista) Mon, 07 Feb 2022 20:39:06 +0000 OJS 3.2.1.2 http://blogs.law.harvard.edu/tech/rss 60 NOTAS SOBRE RACISMO E EUGENIA EM ALGUMAS OBRAS DO MÉDICO HIGIENISTA OCTÁVIO DE FREITAS (1871-1949) http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4335 <p>O objetivo do trabalho foi analisar o caráter racista-eugênico presente na obra do médico higienista Octávio de Freitas. A metodologia adotada foi uma revisão da literatura e a leitura de dois livros escritos por Freitas. No livro “Doenças Africanas no Brasil” há uma ambivalência que ora se manifesta entre raça e ambiente, ora entre raça e causas sociais. O racismo e o eugenismo estão presentes em sua obra de Freitas, embora ele seja considerado um ícone na medicina em Pernambuco.</p> Hélio Fernandes de Melo, Argus Vasconcelos de Almeida Copyright (c) 2022 http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4335 Mon, 07 Feb 2022 00:00:00 +0000 SUBJETIVIDADES COMPARTILHADAS: A DIALOGICIDADE OU PARA UMA EPISTEMOLOGIA RESTAURATIVA A PARTIR DA OBRA DE PAULO FREIRE http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4790 <p>Nossa análise aborda elementos contidos na obra de Paulo Freire que possui princípios norteadores para se pensar os processos de transformações sociais aliados à educação. Trazendo à cena a categoria de dialogicidade de Paulo Freire, é necessário uma noção de sujeito que permita o entendimento das mais variadas formas existência: por isso, apresentamos o conceito de subjetividades compartilhadas como chave de entendimento para dar sentido às formas de atuação dos indivíduos/pessoas na sociedade.</p> Marcelo Santana dos Santos Copyright (c) 2022 http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4790 Mon, 07 Feb 2022 00:00:00 +0000 A MÉDICA TRÓTULA DE RUGGIERO (1050-1097): A PRIMEIRA COM SEU LEGADO ATINGIDO PELA MISOGINIA NA HISTÓRIA DA MEDICINA http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4177 <p><strong>Resumo: </strong> É objetivo do presente trabalho, expor e analisar a contribuição de Trótula para a saúde feminina, sua formação teórica e suas práticas terapêuticas no contexto da Escola Médica de Salerno. Através de uma revisão da literatura, podemos concluir que apesar das sua relevante contribuição ao conhecimento da saúde feminina, especialmente aos relacionados à ginecologia, obstetrícia, sexualidade e estética, o seu legado foi atingido pela misoginia que tentou apagá-la da história da medicina, sendo depois finalmente reconhecida pela história.</p> Argus Vasconcelos de Almeida Copyright (c) 2022 http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4177 Mon, 07 Feb 2022 00:00:00 +0000 MOVIMENTO POLICIAIS ANTIFASCISMO NO BRASIL: UMA ANÁLISE ATRAVÉS DO CAMPO DA ESQUERDA MILITAR. http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4264 <p><strong>Resumo</strong>: Este artigo analisa a atuação do Movimento Policiais Antifascismo nas mídias digitais. O processo de coleta dos dados primários se efetuou por meio do sistema screenshot (printscreen) sobre os conteúdos postados no mural público do grupo e dos comentários feitos pelos usuários no <em>Facebook</em>. Os resultados alcançados evidenciaram que o movimento se coloca à esquerda do campo político ideológico e as mídias digitais ampliam a escala de cobertura do movimento, dando-lhe maior visibilidade.</p> <p><strong>Palavras-chave</strong>: Movimento Policiais Antifascismo; Esquerda Militar; Mídias digitais</p> Franz Cezarinho Copyright (c) 2022 http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4264 Mon, 07 Feb 2022 00:00:00 +0000 A ESTÉTICA DO PARADOXO. CONCORRÊNCIA, EMPREENDEDORISMO E AGREGAÇÃO NAS COMUNIDADES EMPRESARIAIS. http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4768 <p>Nos debates teóricos, académicos e políticos sobre o capitalismo, sobressalta sempre a dimensão da instabilidade. Seja provocada por crises económicas e/ou tecnológicas, seja provocada por crises políticas e sociais, a instabilidade é uma condição <em>sine qua non</em> das sociedades capitalistas. Num quadro societal global tão volúvel terão de coexistir vários fatores que permitam manter a unidade dos seus fundamentos – o trabalho assalariado. Dentre vários fatores considerados, a dimensão simbólico-ideológica é uma das “respostas” comummente avançadas pelos cientistas sociais.</p> <p>Neste artigo, procurar-se-á inserir esta dimensão macro num contexto específico. A saber, o estudo da coesão social e organizacional dentro das empresas a partir das práticas e das representações dos trabalhadores sobre essas mesmas práticas. Nesse sentido, o artigo descreve o papel do capital social e das relações de interconhecimento parar criar uma realidade simultaneamente prática e simbólico-ideológica – a <em>comunidade empresarial</em> – agregadora de práticas classistas diferentes no seio de uma organização hierárquica.</p> João Aguiar Copyright (c) 2022 http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4768 Mon, 07 Feb 2022 00:00:00 +0000 ANÁLISE DO DISCURSO ARQUEOLÓGICO DO RACISMO ESTRUTURAL ATRAVÉS DAS IMAGENS VISUAIS NO LIVRO DIDÁTICO DE HISTÓRIA http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4804 <p>Este artigo investigou as imagens visuais das pessoas negras no Livro Didático de História do EM<a href="#_ftn1" name="_ftnref1">[1]</a> da rede estadual da PB<a href="#_ftn2" name="_ftnref2">[2]</a> em duas categorias: escravos e cidadãos. Seu objetivo foi explicitar como o racismo estrutural está presente nas séries enunciativas visuais desse grupo de pessoas. A metodologia escolhida para investigá-las foi a Análise Arqueológica do Discurso (AAD) de Foucault (2015). Foi encontrada uma regra que estabelece um discurso que comunico neste artigo.</p> <p>&nbsp;</p> <p><a href="#_ftnref1" name="_ftn1"></a></p> Eduardo Pugliesi Copyright (c) 2022 http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4804 Mon, 07 Feb 2022 00:00:00 +0000 VAI UM CAFEZINHO AÍ? UMA ANÁLISE DO CULTIVO DE CAFÉ SEGUNDO O CENSO AGROPECUÁRIO DE 2017. http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4249 <p>Este trabalho tem como finalidade analisar o cultivo de café no Brasil, em Minas Gerais e em especial na Mesorregião do Noroeste e do Vale do Jequitinhonha e Mucuri. Esta cultura é de extrema importância na produção do campo, pois contribui efetivamente para o PIB do país, e para a economia do estado mineiro. A importância econômica se reflete em outros âmbitos como a importância política e estratégica destes espaços produtivos. Nossa proposta é construir uma análise a partir do banco de dados disponibilizado pelo Censo Agropecuário de 2017, último censo realizado em território brasileiro. As conclusões apontam para a presença de uma estrutura agrária desigual que interfere diretamente na forma de produção do café no território analisado.</p> LARISSA DULCE ANTUNES Copyright (c) 2022 http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0 http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4249 Mon, 07 Feb 2022 00:00:00 +0000