MOVIMENTO POLICIAIS ANTIFASCISMO NO BRASIL: UMA ANÁLISE ATRAVÉS DO CAMPO DA ESQUERDA MILITAR.

Autores

  • Franz Cezarinho Universidade Estadual Paulista (UNESP-MARÍLIA)

Palavras-chave:

Movimento Policiais Antifascismo, Esquerda Militar, Mídias digitais

Resumo

Resumo: Este artigo analisa a atuação do Movimento Policiais Antifascismo nas mídias digitais. O processo de coleta dos dados primários se efetuou por meio do sistema screenshot (printscreen) sobre os conteúdos postados no mural público do grupo e dos comentários feitos pelos usuários no Facebook. Os resultados alcançados evidenciaram que o movimento se coloca à esquerda do campo político ideológico e as mídias digitais ampliam a escala de cobertura do movimento, dando-lhe maior visibilidade. Palavras-chave: Movimento Policiais Antifascismo; Esquerda Militar; Mídias digitais

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANUÁRIO brasileiro de segurança pública. Fórum brasileiro de segurança pública, ISSN

-7364, 2019.

BOBBIO, Norberto, MATTEUCCI, Nicola e PASQUINO, Gianfranco. Dicionário de Política.

Trad. Carmen C, Varriale et ai.; coord. trad. João Ferreira; rev. geral João Ferreira

e Luis Guerreiro Pinto Cacais. - Brasília : Editora Universidade de Brasília, 1 la ed.,

CEZARINHO, Filipe. História e fontes da internet: uma reflexão metodológica.

Temporalidades – Revista de História, ISSN 1984-6150, Edição 26, V. 10, N. 1 (jan./abri.

.

CUNHA, Paulo Ribeiro da. A esquerda militar no Brasil: uma leitura e várias agendas. In:

Anais do III Encontro Nacional da ABED, 2009. Disponível em <http://www.abeddefesa.

org/page4/page7/page23/files/PauloCunha.pdf >.

GOLDSTEIN, Herman. Policiando uma Sociedade Livre. Tradução Marcello Rollembreg;

revisão da tradução Maria Cristina P. da Cunha Marques. – São Paulo: Editora da

Universidade de São Paulo, 2003. – (Série Polícia e Sociedade; n.9/Organização: Nancy

Cardia).

JOÃO QUARTIM DE MORAES. A esquerda militar no Brasil. Volume I: Da conspiração

republicana à guerrilha dos tenentes. Ed. 2. rev – São Paulo : Expressão Popular,

LUPTON, Deborah. Sociologia digital: para além do digital, rumo ao sociológico. Preludios,

Salvador, v. 8, n. 8 p. 137-145, jul./dez. 2019.

MISKOLCI, Richard. Novas Conexões: notas teórico-metodológicas para pesquisas sobre o

uso de mídias digitais. Cronos (Natal. Impresso), v. 12, p. 9-22, 2011.

MONET, Jean-Claude. Polícias e Sociedades na Europa. Tradução de Mary Amazonas Leite

de Barros. – 2. Ed. 1. Reimpr. – São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2006.

(Série Polícia e Sociedade; n.3).

PADILHA, Felipe; FACIOLI, Lara. Sociologia Digital: apontamentos teórico-metodológicos

para uma analítica das mídias digitais. Ciências Sociais Unisinos, São Leopoldo, Vol. 54,

N. 3, p. 305-316, set/dez 2018.

SOUZA, José Francisco de. A falsa crise da Seguridade e Previdência Social: avaliação crítica

e subsídios para um novo modelo, a partir da expansão dos fundos de pensão. [SYN]THESIS,

Rio de Janeiro, vol.8, nº 1, 2015, p. Cadernos do Centro de Ciências Sociais da Universidade

do Estado do Rio de Janeiro 39 – 54. DOI: 10.12957/synthesis.2015.25829.

Fontes:

ALVES, Fernando. Policiais antifascismo: um conceito. Saibamais. Disponível em:

www.saibamais.jor.br/policiais-antifascismo-um-conceito/ > Acesso em 31 de mar.

ANTIFASCISMO, Policiais. 500 policiais assinam manifesto contra o fascismo e pela

democracia no Brasil. Disponível em: <http://policiaisantifascismo.blogspot.

com/2020/06/500-policiais-assinam-manifesto-contra.html?view=classic > Acesso em 04

de jul. 2020.

ANTIFASCISMO, Policiais. Manifesto Policiais Antifascismo. Disponível em:

policiaisantifascismo.blogspot.com/2018/03/manifesto-dos-policiais-antifascismo-o.

html?view=magazine> Acesso em 17 de jun. 2020.

ANTIFASCISMO, Policiais. Congratulações, policiais antifascismo. Fizemos o bom combate!

Disponível em: http://policiaisantifascismo.blogspot.com/2020/11/congratulacoespoliciais-antifascismo.html?view=magazine Acesso em 20 de dez. 2020.

CUNHA, Carolina. Mais de 6.700 policiais e militares se lançam candidatos; PSL lidera

casos. Uol. Disponível em: <https://noticias.uol.com.br/eleicoes/2020/09/29/mais-de6700-policiais-e-militares-se-lancam-candidatos-psl-lidera-casos.htm> Acesso em 12 de

out. 2020.

FERNANDES, Marcella. Número de candidatos a prefeito que são militares reformados

ou PMs mais do que dobra. HUFFPOST. Disponível em: <https://www.huffpostbrasil.com/

entry/militares-e-policiais-candidatos-prefeito-2020_br_5f738dc8c5b6d698bb24a4ea>

Acesso em 12 de out. 2020.

MENDONÇA, Jeniffer. Bancada antibala: policiais lançam pré-candidaturas contra discurso

bandido bom é bandido morto. Ponte. Disponível em: <https://noticias.uol.com.br/

ultimas-noticias/ponte-jornalismo/2020/09/15/bancada-antibala-policiais-lancam-precandidaturas-contra-discurso-bandido-bom-e-bandido> Acesso em 16. Set. 2020.

OLIVEIRA, Rafael. PM é aposentado aos 29 anos por apoiar o #elenão. Agência Pública.

Disponível em: <https://congressoemfoco.uol.com.br/direitos-humanos/pm-eaposentado-aos-29-anos-e-pode-ser-expulso-por-apoiar-elenao/ >Acesso em 04 de jul. de

STABILE, Arthur. PM integrante do Policiais Antifascismo é executado no RN. Ponte.

Disponível em: <https://ponte.org/pm-integrante-do-policiais-antifascismo-e-executadono-rn/ >Acesso: em 04de jul. de 2020.

STABILE, Arthur. Policial é condicionado a tratar negros como bandidos: revela investigador.

Ponte. Disponível em: <. https://ponte.org/policial-e-condicionado-a-tratar-negroscomo-bandidos-revela-investigador/?fbclid=IwAR0uQuiuNPBzyR-zzo-Zp8d3ubW11zrEgDPG

G6akDQXVVfkK3TuyP0UM7w0>. Acesso em 20 de set. de 2020.

Downloads

Publicado

2022-02-07

Como Citar

Cezarinho, F. (2022). MOVIMENTO POLICIAIS ANTIFASCISMO NO BRASIL: UMA ANÁLISE ATRAVÉS DO CAMPO DA ESQUERDA MILITAR. Revista Cadernos De Ciências Sociais Da UFRPE, 1(18). Recuperado de http://ead.codai.ufrpe.br/index.php/cadernosdecienciassociais/article/view/4264