Abordagem Investigativa da Química Forense: Uso de Recursos Audiovisuais e Experimentação em um Estudo de Caso

Fernanda Cristina S. Montija, Mariana Agostini dos Reis, William Zeni, Rafael Scucuglia R. da Silva, Gildo Girotto Junior

Resumo


O presente trabalho se enquadra dentro do cenário de um relato de experiência a respeito do desenvolvimento de uma oficina de ensino sobre química forense, envolvendo o ensino por investigação, a experimentação e o uso de recursos audiovisuais. A proposta foi desenvolvida por estudantes participantes do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) e com estudantes do ensino médio. Foram reconhecidas as percepções dos estudantes secundaristas sobre o desenvolvimento da atividade de modo a compreender seus aspectos positivos e negativos. De modo geral, a atividade trouxe importantes contribuições para a contextualização no ensino de química com foco nas dificuldades relacionadas à abordagem de conceitos para a resolução de situações-problema  e reflexão sobre o desenvolvimento profissional na formação inicial dos licenciandos.


Palavras-chave


Ensino por investigação, recursos audiovisuais, experimentação, formação inicial de professores

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Gildo Girotto Junior