Da formação à atuação: obstáculos do tornar-se professor de Química

Thiago Henrique Barnabé Corrêa, Roseli Pacheco Schnetzler

Resumo


Partindo da premissa de que o primeiro contato com a carreira docente pode evidenciar inúmeras necessidades formativas e apontar a fragilidade das grades curriculares dos cursos de licenciatura, este artigo tem como objetivo evidenciar os dilemas da iniciação à docência em Química, relacionando-os com a formação inicial. Nesse viés e subsidiados pelo depoimento de cinco professores iniciantes de Química, buscamos promover um diálogo com a literatura e analisar, por seguinte, as lacunas da licenciatura em Química, além de discutir os possíveis caminhos para a superação desses reveses. É nesta ótica que as experiências e os relatos de professores se tornam objeto de investigação que podem contribuir para a melhor compreensão da complexidade do trabalho docente.


Palavras-chave


Professor Iniciante de Química; Formação e Constituição Docente; Desenvolvimento Profissional.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Thiago Henrique Barnabé Corrêa, Roseli Pacheco Schnetzler