Estratégias Didáticas no Ensino de Química: Discutindo Equilíbrio Químico no Ensino Médio pela Perspectiva Epistemológica de Kelly

Roberto Carlos Silva dos Santos, Vanessa da Silva Santos, Wilka Karla Martins do Vale, Iêdja Firmino da Silva Francisco

Resumo


O presente estudo investigou as contribuições de uma sequência didática pautada na teoria de Kelly para aprendizagem do conceito de equilíbrio químico. Neste sentido, apresenta algumas das concepções alternativas de estudantes do ensino médio em relação ao conteúdo em destaque. Por conseguinte, aponta as etapas constituintes da experiência de Kelly, a saber, antecipação, investimento, encontro, confirmação ou desconfirmação e revisão construtiva, aplicadas ao ensino da definição de equilíbrio químico e suas característica a partir de uma intervenção didática sequenciada com momentos e atividades consonantes com os respectivos pressupostos. Por fim, os dados coletados em relação à estratégia de ensino adotada convergiram, principalmente, para a melhoria do diálogo professor-aluno e o estímulo à aprendizagem de novos conceitos.

Palavras-chave


Ensino de Química; Equilíbrio Químico; Experiência de Kelly.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Roberto Carlos Silva dos Santos, Vanessa da Silva Santos, Wilka Karla Martins do Vale, Iêdja Firmino da Silva Francisco