Concepções sobre Ludicidade: Um Estudo e uma Proposta para a Formação Inicial de Professores de Química

Eliane Cristina Couto de Lima, Maisa Helena Altarugio

Resumo


Compreender a complexidade do fenômeno educativo e no seu cerne a questão da formação e do desenvolvimento profissional do professor, através de uma abordagem reflexiva, são questões que se impõem como forma de superação de modelos baseados na racionalidade técnica, que acreditam que a técnica pode dar conta do processo, no entanto, a prática é que pode levar ao sucesso. Desta forma, por ser o desenvolvimento profissional um processo, e por sinal, a categoria principal explorada neste estudo, procuramos identificar seus momentos marcantes, através da apreensão das concepções/crenças dos professores sobre o uso de atividades lúdicas em sala de aula, na convicção de que estas, ao serem construídas e resignificadas, vão sinalizando mudança acerca do ensino e do ser professor, demarcando, pois, as etapas do processo de desenvolvimento da profissionalização docente. O processo de construção e aplicação de jogos para o ensino de Química, permitiu perceber um movimento e um dinamismo com relação às concepções sobre o lúdico, à medida em que as atividades foram ganhando um aprofundamento e uma reflexão maiores.

Palavras-chave


Atividades lúdicas; Formação de professores; Concepções.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Eliane Cristina Couto de Lima, Maisa Helena Altarugio