Avaliação das temperaturas mínimas e máximas para eventos de friagem no Pantanal

Müller Júnior Martins dos Santos, Luciana Barros Pinto, Gabriela Barbosa Irribarem, Lucas Fernando Carvalho da Conceição, Carolina de Aguiar Monteiro

Resumo


Neste trabalho, buscou-se uma melhor compreensão do fenômeno de friagem na região do Pantanal, para o período de janeiro de 2007 a dezembro de 2014, com base nos dados do município de Coxim-MS, através da distribuição anual e mensal dos eventos, e a relação com a ocorrência de fenômenos El Niño Oscilação Sul, assim como o comportamento das temperaturas mínimas e máximas para os mesmos. Foram identificados 75 eventos com um total de 294 dias sob efeito de friagem. A maior frequência anual ocorreu em 2009 e 2010, totalizando 12 eventos para cada ano, coincidindo com o período de El Niño ativo. Já a maior frequência mensal ocorreu em agosto, totalizando 16 eventos. Foi relatado média de dois dias com queda de temperatura em decorrência da friagem e, posteriormente, acréscimo na temperatura máxima e decréscimo na temperatura mínima nos dias seguintes. O maior número de sistema frontal anual não implicou em um número maior de dias frios. O mês de julho de 2013 apresentou o menor valor de temperatura mínima no período. Valores com reduções significativas de temperatura em relação a normal climatológica não apresentaram menores temperaturas mínimas e máximas.

Palavras-chave


Climatologia, Desvio de temperatura, Distribuição sazonal

Texto completo:

PDF (PORTUGUÊS)


DOI: https://doi.org/10.24221/jeap.2.4.2017.1460.430-438

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Journal of Environmental Analysis and Progress

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.